Ver Programação Comunicações Recital e Difusão

Sessões de comunicações  orais | SIMPÓSIOS


ST1. Choro no sentido lato

16:30 – 16:55 Roda de Choro Curitibano: significados e sentidos “êmico” e “ético”. Cláudio Aparecido Fernandes
16:55 – 17:20 Identificando padrões de interpretação no Choro através da mensuração de performances de Jacob do Bandolim Ivan Mendes de Souza Paparguerius
17:20 – 17:45 “Cadê os seus Chediak da vida?”: considerações sobre em uma gravação etnográfica de Cochichando. Renan Moretti Bertho e Guilherme Augusto Lamas
16:30 – 16:55 Além do regional: a heterogeneidade de formações e instrumentos aplicados à performance do choro na passagem do século XIX ao XX. Rodrigo Heringer Costa
16:55 – 17:20 A múltipla atuação artística do flautista Altamiro Carrilho entre 1948 e 1960. Márcio Modesto e Silvia Maria Pires Cabrera

Sessões de comunicações  orais | SIMPÓSIOS


ST2. Música e cultura popular na Região Nordeste

16:30 – 16:55 O boi, nos bailados populares e na religiosidade a partir das pesquisas de Mário de Andrade.. Flávia Camargo Toni e Rosangela Francischini
16:55 – 17:20 Ancestralidade, pureza e ruralidade: construções discursivas de uma viola no Nordeste brasileiro. Guilherme Jacobsen
17:20 – 17:45 Autoscopia e entrevista recorrente: a qualidade dos sujeitos como fator de adequação dos instrumentos metodológicos. Leandro Drumond Marinho Eurides de Souza Santos

Sessões de comunicações  orais | SIMPÓSIOS


ST3. Música, gênero, corpos e sexualidades: processos, métodos e práticas de produção sonora dos artivismos feministas decoloniais

16:30 – 16:55 “Eu não vou mais recuar. Qualquer um é o meu lugar” a trajetória de uma artista paraibana: Luana Flores. Tânia Mello Neiva
16:55 – 17:20 O protagonismo musical feminino negro no universo do coco de roda paraibano. Eurides Souza Santos
Erivan Silva
17:20 – 17:45 Mulheres no carimbó: por onde passa a saia com o passar do tempo? Iva Rothe-Neves
Mariana Bastos Garcez
Jacqueline Brigagão
Ana Lucia Gondim Bastos
17:45 – 18:10 A Representatividade Feminina no Clube musical 31 de agosto entre os anos de 2013 a 2019. Tainá Magalhães Façanha Vanessa Lobo e Adrienne Cavalcante
16:30 – 16:55 “O funk nasce do erro”: ressignificações do funk na cena lésbica em São Paulo. Raquel Mendonça Martins
16:55 – 17:20 Sensualidade e sexo de Elis Regina em Me Deixas Louca, de Armando Manzanero e Paulo Coelho. Fausto Borém e Alfredo Ribeiro
17:20 – 17:45 Pelo direito à voz identitária: caminhos da reconfiguração vocal da mulher trans. João Gustavo Kienen e Jully Vidal Guimarães Silva
17:45 – 18:10 Fisiologia da voz transexual. João Gustavo Kienen e Jully Vidal Guimarães Silva
16:30 – 16:55 Diversidade e Resistência: uma pesquisa sobre as mulheres do Coral Universitário Clarice Sarmento Rayssa Karoline, Rodrigues Pereira; Maria Amelia Castilho Feitosa Callado e Thauan Silva Chaves
16:55 – 17:20 Cultural labour, Creative industries, organised feminisms and their implications in the shaping of new Brazilian sound art. Vanessa De Michelis
17:20 – 17:45 Sônicas no Instagram: ciberartivismo e redes de mulheres na música em tempos de pandemia Isabel Porto Nogueira, Ariadyne Ferranddis Ferranddis Jalile Petzold e Antonella Pons
17:45 – 18:10 De Itapuã a João Pessoa (PB): análise de um episódio na “Passarela do Samba” Harue Tanaka

Sessões de comunicações  orais | SIMPÓSIOS


ST4. Música e pensamento afrodiaspórico

16:30 – 16:55 Gentilismos e assimilação nas práticas musicais religiosas de duas congregações de africanos Mina no Rio de Janeiro no século XVIII: os casos de Rosa Maria Egipcíaca da Vera Cruz e Francisco Alves de Souza. Fernando Lacerda Simões Duarte
16:55 – 17:20 A primeira umbigada a baiana é quem dá: uma breve discussão sobre o legado da irmandade da Boa Morte na história do samba. Victória Marques Conceição
17:20 – 17:45 Colonialidade do saber e pesquisa etnomusicológica: descolonizando os termos da Mbira Micas Orlando Silambo e Marcello Messina
16:30 – 16:55 Uma perspectiva afro-brasileira do som afrofuturista: ficção, raça, som e tecnologia. Pitter Rocha
16:55 – 17:20 Uma perspectiva analítica da música de Candomblé, visando os seus processos rítmicos: da ancestralidade africana a exemplos musicais. Vinicius Borges Amaro
17:20 – 17:45 Música popular: das teorias nxs pretxs, prxs pretxs nas teorias. Mither Amorim Lima
16:30 – 16:55 Elementos afro-indígenas na canção Foi Bôto, Sinhá! de Waldemar Henrique. Leonardo dos Santos Silva Soares
16:55 – 17:20 Pesquisa etnomusicológica, práxis sonora e pesquisa ação participativa: discussões afrodiaspóricas entorno do debate político-epistemológico- metodológico Leonardo Moraes Batista, Thamara Collares do Nascimento, Danilo da Cunha de Jesus Santos,  Acsa Braga Costa e  Victor Hugo Costa Cantuaria da Silva
17:20 – 17:45 A comunidade e seus saberes: por uma educação afrocentrada Valnei Souza Santos e Patrícia Santos Silva

Sessões de comunicações  orais | SIMPÓSIOS


ST5. Musicar local: comunidades musicais de prática em diversos contextos

16:30 – 16:55 Trabalho com música em bares e festas particulares: a interferência do Estado em Aracaju. João Luiz Santos Meneses
16:55 – 17:20 O musicar dos capoeiristas da Escola de Capoeira “Angola Resistência”, sob uma perspectiva ecológica. Daniel Lacerda Franco Marinho Bueno
17:20 – 17:45 Analisando o conceito de comunidade através do funk e da representatividade lésbica na cidade de São Paulo. Raquel Mendonça Martins
17:45 – 18:10 O trabalho musical comunitário: a vida social e econômica da Banda Dona Gabriella. Suzel Ana Reily; João Henrique A. Gião
16:30 – 16:55 A Irmandade do Divino Espírito Santo de Maués. Tarcisio Braga; Tércio M. de Vasconcelos
16:55 – 17:20 Práticas musicais coletivas e a cena musical contemporânea de Belo Horizonte. Estêvão Amaro dos Reis
17:20 – 17:45 Os tambores que vibram em nós: a comunidade de prática do taiko na cidade de Atibaia e a quebra de estereótipos. Flávio Rodrigues

Sessões de comunicações  orais | SIMPÓSIOS


ST6. Panorama da pesquisa sobre violão no Brasil

16:30 – 16:55 Referências históricas, abordagens interpretativas atuais e reflexões sobre o “violão como pequena orquestra”. Jefrey Andrade e Guilherme Vincens
16:55 – 17:20 O ritmo Aksak no primeiro grupo de Estudos Polirrítmicos e Polimétricos para violão de Dusan Bogdanovic. Alexandre Gismonti
17:20 – 17:45 Nuevos Estudios Sencillos de Leo Brouwer: aspectos técnico-interpretativos. Claryssa de Pádua Morais e Carlos Fernando Fiorini
16:30 – 16:55 Trajetórias paralelas do violão em Belo Horizonte no século XX: a academia e o rádio. Fabio Nery; Flavio Barbeitas
16:55 – 17:20 Acervos Musicais: Possibilidades para reconstrução de trajetórias e reabilitação de repertório para o Violão Brasileiro. Flavia Prando
17:20 – 17:45 Tenho medo, de Rogério Guimarães: Uma transcrição inédita para violão solo. Jefferson Luis Gonçalves da Motta e Gilson Uehara Gimenes Antunes
17:45 – 18:10
Iniciação Científica
Aníbal Augusto Sardinha – o Garoto: um panorama dos trabalhos acadêmicos sobre o violonista e compositor Caio Vitor Priori dos Santos e Leonardo Barreto Linhares
16:30 – 16:55 Repertório violonístico do eixo geográfico Ásia Menor-Bálcãs: concepções interpretativas em diálogo com a música tradicional. Filipe Malta e Flavio Barbeitas
16:55 – 17:20 Do quarto para a rua: performance culturalmente informada de obras para violão solo inspiradas no candombe uruguaio. Marcos Matturro e Flavio Barbeitas
17:20 – 17:45 A prática da performance: relatos de violonistas de excelência. Rafael Iravedra e  Daniel Wolff

Sessões de comunicações  orais | SIMPÓSIOS


ST7. Patrimônio musical brasileiro

16:30 – 16:55 Fundo documental do Sindicato dos Músicos do Estado do Rio de Janeiro: Um estudo exploratório a partir de documentos trabalhistas. Luciana Requião
16:55 – 17:20 O índice onomástico do volume 1 de Músicos Pernambucanos do Passado como instrumento de pesquisa musicológica. Wheldson Rodrigues Marques Gilson Rodrigues Chacon de Oliveira
17:20 – 17:45 O campo profissional da Música: análise preliminar sobre as primeiras atas do Centro Musical do Rio de Janeiro (1907-1908). Hudson Cláudio Neres Lima
16:30 – 16:55 O acervo musical da Schola Cantorum da Sé de Belém: sua constituição, a proveniência dos documentos musicográficos e os vestígios de atividades musicais religiosas na capital paraense. Stherfany Taynara Ribeiro de Sousa e Fernando Lacerda Simões Duarte André Gaby
16:55 – 17:20 Atividade musical na Santa Casa de Misericórdia de Pelotas no século XX: uma abordagem a partir do patrimônio musical documental e organológico. Fernando Lacerda Simões Duarte
17:20 – 17:45 Registros de uma tradição bicentenária: Os motetos dos Passos em São Cristóvão (SE). Thais Fernanda Vicente Rabelo Edite Rocha
16:30 – 16:55 A produção composicional trombonística do compositor Gilberto Cabral para a performance. Anderson Jardel Bezerra da Silva Ranilson Bezerra de Farias
16:55 – 17:20 Catalogação musical do repertório brasileiro para trombone solo do século XXI: distribuição das obras entre os trombones alto, tenor, baixo e contrabaixo. Ricardo Félix de Morais
17:20 – 17:45 Fosca, onde te escondes? Rosana S.G. Lanzelotte Guilherme Bernstein

Sessões de comunicações  orais | SIMPÓSIOS


ST8. Práxis de formação em música na atualidade: múltiplas abordagens, contextos e perspectivas

16:30 – 16:55 A extensão universitária e a formação para a cidadania como campos de contribuição para novas práticas pedagógicas no ensino de música. Carlos Ernest Dias
16:55 – 17:20 A história da Escola Portátil de Música e sua contribuição para a transmissão do choro. Luciana Fernandes Rosa; Silvia Maria Pires Cabrera Berg
17:20 – 17:45 Interseccionalidade das identidades sociais: é categoria útil de análise em contextos de Educação Musical? Vânia Beatriz Müller

Sessões de comunicações  orais | SIMPÓSIOS


ST9. Semiótica musical: novas fronteiras

16:30 – 16:55 No cambi mai… O “hit” musical como persistência da memória. Heloísa Duarte Valente
16:55 – 17:20 Caderno musicale di Annalibera de Luigi Dallapiccola: polarizações em Contrapunctus Primus. Ederaldo Sueiro Junior
17:20 – 17:45 Minas Geraes: o Clube da Esquina e o regionalismo mineiro. Matheus Barros de Paula
16:30 – 16:55 Pobre samba meu… foi se misturando, se modernizando: a presença e a influência da música estrangeira no cenário musical popular brasileiro. Raphael Fernandes Lopes Farias Heloísa de Araújo Duarte Valente
16:55 – 17:20 A dinâmica dos valores socioculturais no ato performático Caio Victor Oliveira Lemos

Sessões de comunicações  orais | SIMPÓSIOS


ST10. A voz nos diversos contextos da prática musical

16:30 – 16:55 Uso do sistema de Dó-móvel aplicado ao repertório de câmara alemão para estímulo ao desenvolvimento musical do aluno de canto brasileiro. Carlos Eduardo da Silva Vieira
16:55 – 17:20 Técnica vocal para coro: uma proposta de adaptação de exercício vocal. Fábio Miguel
17:20 – 17:45 Improvisação vocal em movimento: a proposta do grupo L.I.V.E. Wania Mara Agostini Storolli
17:45 – 18:10 A inteligibilidade do texto como recurso expressivo na música vocal contemporânea. Felipe Rodrigues Ferreira Perez
16:30 – 16:55

A pesquisa sobre canto coral nos anais da ANPPOM no período de 2015 a 2019 na subárea Educação Musical Fábio Miguel, Felipe Pillis Panelli, Felipe Rodrigues Ferreira Perez, Emerson Pereira Tineo, Maicon Pereira Jacinto, Regina Celia C. M. do Amaral, André Laitano dos Santos, Willian Gomes Pedrozo, Agnelson Gonçalves e Helen Silva
16:55 – 17:20 Onda Vai… Onda Vem…: as influências da performance na edição musical. Felipe Pillis Panelli e Paulo Castagna
17:20 – 17:45 Catálogo audiovisual de técnicas estendidas para voz Regis Luis de Carvalho
16:30 – 16:55 Jardim do amor e da paixão para barítono e piano de Almeida Prado e José Aristodemo Pinotti: aspectos composicionais. Adriana Giarola Kayama e Leandro Agusto Cavini
16:55 – 17:20 Três canções para mezzo-soprano e piano de Carlos Alberto Pinto Fonseca. Angelo José Fernandes e Sarah Victória Santibanez Migliori
17:20 – 17:45 A Questão da interpretação dramática na canção brasileira urbana Alberto José Vieira Pacheco

Sessões de comunicações  orais | SUBÁREAS

A1. Composição e sonologia

9:00 – 9:25 O diálogo entre a música do afoxé e a música orquestral através da obra De Canto em Canto II – Possível Resposta de Ernst Widmer. André Vieira
9:25 – 9:50 O jogo concreto na música de Amon Tobin: um estudo dos processos de hibridização a partir da noção de resíduos compartilhados. Marcelo Carneiro de Lima
9:50 – 10:15 A composição compartilhada na criação da primeira canção do ciclo Machadianas para barítono, harpa e orquestra de cordas José Orlando Alves
Marcos Lucas
10:15 – 10:40 Estudo comparativo do efeito de três diferentes surdinas na LTAS de seis violinos. Marcus Vinicius da Silva Evangelista
Sérgio Freire
Maurício Freire Garcia Davi Alves Mota
9:00 – 9:25 Multifônicos Colaterais do Saxofone: Uma prospecção de catálogo. Sérgio Monteiro Freire
9:25 – 9:50 Sermões em palimpsestos, para flauta e sons eletrônicos: aspectos composicionais, acústicos e performáticos. Rodrigo Frade e  Felipe Vasconcelos
9:50 – 10:15 Análise do fluxo labial no trompete através da filtragem inversa adaptativa interativa. Gustavo Machado Oliveira,  Maurício Alves Loureiro e Davi Alves Mota
9:00 – 9:25 Reflexões sobre as noções de complexidade e emergência na livre improvisação coletiva. Arthur Faraco
9:25 – 9:50 Uma primeira aproximação multimodal da técnica de strumming. Augusto Armondes, Sergio Freire, Caio Campos e Rubens Silva
9:50 – 10:15 Composição colaborativa na elaboração de uma peça de música mista. Micael Antunes; Itamar Vidal e Jônatas Manzolli
9:00 – 9:25 Problemáticas da pesquisa em composição na ANPPOM de 2015 a 2019: abordagens em processos criativos. Germán Enrique Gras
9:25 – 9:50 A ideia de síntese poética como critério identitário para obras musicais de caráter aberto a partir do conceito de algoritmo. Valério Fiel da Costa e Vitor Mendes de Oliveira
9:50 – 10:15 Poemas Eletroacústicos: poéticas possíveis Cláudio José Bezz

Sessões de comunicações  orais | SUBÁREAS

A2. Educação musical

9:00 – 9:25 As disposições legais referentes à formação docente: de 1996 a 2019. Alba Janes Santos Lima e Sílvia Garcia Sobreira
9:25 – 9:50 Universidade e atuação profissional: relações entre diferentes contextos de formação sob a perspectiva de músicos populares Ana Luiza Miranda Pinto
9:50 – 10:15 Formação de professores para múltiplos espaços: ações possíveis. Anielson Costa Ferreira e Jucélia da Cruz Estumano
10:15 – 10:40 A musicobiografização como dispositivo formativo na prática docente: abstrações analíticas de materiais biográficos secundários Haniel Henrique Vieira de Queiroz
9:00 – 9:25 O curso de canto da UNESP: o impacto do ensino superior no discurso de seus egressos Homero Antonio Velho
9:25 – 9:50 Experiências como professor de música antes do ingresso na licenciatura: relatos de um egresso. João Paulo de Rezende Oliveria; José Soares de Deus
9:50 – 10:15 A percussão nos cursos de Licenciatura em Música: currículo e formação docente. Beatriz Woeltje Schmidt
10:15 – 10:40 Percursos na música: reflexão sobre formação inicial e continuada de um professor de música a partir do seu (auto) trajeto. Lucian José de Souza Costa e Costa e Áureo Deo DeFreitas Júnior
9:00 – 9:25 Coro amador: Oportunidade de ensino de conteúdos de aprendizagem da área coral. Abner de Souza Santana
9:25 – 9:50 Arranjo coral colaborativo: a relevância da música regional pela ótica de educadores e pedagogos musicais brasileiros. Ediel Rocha de Sousa
9:50 – 10:15 O canto gregoriano e a juventude: “Quando me lembraram que cantar era rezar duas vezes…” Eduardo Manoel Lustosa dos Reis; Carlos Fernando Fiorini
10:15 – 10:40 Estratégias pedagógicas relacionadas ao desenvolvimento da escuta do músico: apontamentos sobre as especificidades do áudio na música popular. Daniel Tápia
9:00 – 9:25 Documentação narrativa de experiências pedagógico-musicais: configurando um programa de música em uma escola pública de educação básica Daniel Martins Pitanga
9:25 – 9:50 O impacto de ações musicais na formação de plateia no contexto da Escola Estadual Euclydes Figueiredo: palestras, oficina, recital e concerto didático. Geam Gonçalves Aguiar

Eliane Leão

9:50 – 10:15 Educação musical na escola: “ecologizando” saberes no espaço rural. Márlon Souza Vieira
 10:15 – 10:40 Educação Musical em Contexto Religioso: uma análise sobre o processo educativo musical em uma igreja católica. Adrielli Oliveira Dos Santos e Ana Maria Castro Souza
9:00 – 9:25 Ensino de guitarra elétrica a distância: o perfil de um curso e a adaptação do professor para o formato online. Gabriel Lira Caneca e Paulo Roberto Affonso Marins
9:25 – 9:50 Apreciação e aprendizagem musical de idosos através do violão na era digital: um estudo sobre esta experiência e seus desdobramentos no programa UniversIDADE da Unicamp. Gustavo Ramos Ferraz
9:50 – 10:15 O software Analisador de Contrapontos: uma reflexão sobre a primeira aplicação pedagógica. Rogério Tavares Constante
10:15 – 10:40
Iniciação Científica
Mulheres instrumentistas no campo profissional da música popular na cidade de São João del Rei: Um retrato. Carla Silva Reis e Silvia Rocha Costa
9:00 – 9:25 Criatividade musical e vulnerabilidade social: reflexões sobre práticas criativas em música na Casa Pequeno Davi, João Pessoa – PB. Quézia P. de Barros Silva Amorim
9:25 – 9:50 Reflexões acerca do uso do repertório brasileiro para clarineta nas escolas de música de São Paulo. Efraim Santana Santos

Luís Antonio Eugenio Afonso

9:50 – 10:15 O papel da escuta musical na construção de significados sobre o repertório na aprendizagem formal de clarineta. Emerson Rodrigo Cardoso
10:15 – 10:40
Iniciação Científica
Pluralidade estética no repertório contemporâneo brasileiro para a iniciação ao piano Potiguara Curione Menezes e Tayná Batista Lorenção

Sessões de comunicações  orais | SUBÁREAS

A3. Etnomusicologia

9:00 – 9:25 Darwinismo social na historiografia musical brasileira: o branqueamento do Padre José Maurício Nunes Garcia. Pedro Vaccari
9:25 – 9:50 As contribuições de Pe. Augusto Cardin para a carreira de Mestre Vieira e o surgimento da lambada/guitarrada em Barcarena no Pará. Saulo Caraveo e Sonia Maria Moraes Chada
9:50 – 10:15 Banda  de  Música  de Alto  Santo:  cidadania e dimensão socioeducativa. Ernani Lima Barbosa e Agostinho Jorge Lima
10:15 – 10:40 A folia do Divino Espírito Santo como uma comunidade de prática: domínio, comunidade, prática e o musicar. Givas Demore
9:00 – 9:25 Substituição, adição e subtração: processos de transformação cultural no Pássaro Junino de Belém do Pará e suas músicas (1927-2019). Sâmela Cristina de Souza Jorge
9:25 – 9:50 A Barquinha de Mestre Daniel: uma etnografia da música de tradição religiosa ayahuasqueira amazônica. Daniel Castro Montoya Flores Sergio Nogueira Mendes
9:50 – 10:15 A Autoetnografia, o Musicar e a Foliã de Reis, uma pesquisa em construção. Priscila Maria Ribeiro Buzzi
10:15 – 10:40 Festivais  de folclore no Brasil: novos contextos de performances. Estêvão Amaro dos Reis
9:00 – 9:25 A voz dos bantos é a voz dos meus. Andréa Albuquerque Adour da Camara e Ana Daniela dos Santos Rufino
9:25 – 9:50 Um quilombo de práticas Marcos Alan Costa Farias
9:50 – 10:15 O registro sonoro como modo de escuta: uma análise de gravações de cantos yanomami. Rafael Ramalhoso Alves
9:00 – 9:25 A Sars-Cov-19 e isolamentos modernizadores – uma visão aérea sobre a etnomusicologia e as práticas musicais na atualidade Saulo Caraveo e Sonia Chada
9:25 – 9:50 Remapeando musicares Bois em São Luís (MA) e localidades digitais frente à pandemia Luiza Fernandes Coelho
9:50 – 10:15 Cavalo-marinho Boi Pintado, etnomusicologia e pesquisa ação participativa. Igor Cavalcante Sá
9:00 – 9:25 O verdadeiro baile do mal: impactos da existência do funk nas universidades de música. Thiago Barbosa Alves de Souza
9:25 – 9:50 A proposta do “Rap regional”: reflexões a partir da etnografia do circuito do “Rap AM” em Manaus Rafael Branquinho Abdala Norbert
9:50 – 10:15 Sol do Marajó: relato de uma banda de música no município de Anajás-PA. Darleanne Lacerda

Sessões de comunicações  orais | SUBÁREAS

A4. Música popular

9:00 – 9:25 A pesquisa acadêmica sobre bateria: o estado da arte nos últimos sete anos Caio Conti Milan, Eliana C. M. Guglielmetti Sulpicio
9:25 – 9:50 Afinidades jazzísticas e impressionistas em duas obras de Garoto. Rafael Mitsuru Yasuda e Manuel Falleiros
9:50 – 10:15 O percussionista pernambucano no mercado da música: entre a vivência da tradição e a formação acadêmica. Marcos Antonio Monte Silva
10:15 – 10:40 Recursos adotados por Lula Galvão em solos improvisados: análise a partir do procedimento de “comparação entre objetos”, semelhante ao proposto por Philip Tagg. Victor Rocha Polo
9:00 – 9:25 Minha nega na janela: o samba “tradicional” de Germano Mathias na voz de Gilberto Gil Lourenço Matheus, Filipe Sousa e Almir Cortes
9:25 – 9:50 Lirismo ou opressão? Reflexões sobre questões de gênero em Novinha você é uma flor. Maria Carolina Cadamurro  e Adelcio Camilo Machado
9:50 – 10:15 O ser e estar punk: a incursão dos Titãs em um gênero que rejeita o mercado. Matheus Rocha Grain e Luiz Henrique Fiaminghi
9:00 – 9:25 De Repente em Ação: ações, resultados e apontamentos de uma investigação acerca dos cantadores repentistas na região do Cariri cearense Rodolfo Rodrigues e  Samuel Gomes de Melo
9:25 – 9:50 Califórnia da Canção Nativa do Rio Grande do Sul: impactos do novo regulamento sob as lentes dos Jornais da década de 1970. Rafael Gonçalves Oliveira da Silva e Alessandro Carvalho Bica
9:50 – 10:15 Violões milongueiros do sul do Brasil: primeiros apontamentos. Mateus Porto Moraes
9:00 – 9:25 O disco Depoimento do Poeta (1970): tradição e aspectos formais nos sambas de Nelson Cavaquinho. Marcio Modesto e  Silvia Maria Pires Cabrera Berg
9:25 – 9:50
Iniciação Científica
Das ruas e salões para as salas de concerto: Um estudo sobre a transição do frevo para o contexto de música de concerto através da obra do Maestro Duda. Auciran Roque da Silva e Ranilson Bezerra de Farias
9:50 – 10:15 Uma aproximação entre a música popular e a hermenêutica filosófica: Interpretação musical em Hercules Gomes. Thiago Leme Marconato Hideraldo Luiz Grosso

Sessões de comunicações  orais | SUBÁREAS

A5. Performance musical

9:00 – 9:25 O piccolo na banda sinfônica: uma abordagem histórica Gabriela Deps Gomes
Eduardo Gonçalves dos Santos Samanta Adriele Neiva dos Santos
9:25 – 9:50 Um olhar sobre obras exclusivamente gráficas para flauta doce de Louis Andriessen e Michael Vetter. Alfredo Faria Zaine e Sonia Ray
9:50 – 10:15 A relação entre coluna de ar e sonoridade: um cruzamento de dados obtidos por meio da aplicação de 15 entrevistas com trombonistas profissionais. Ricardo Félix de Morais
10:15 – 10:40 Projeto de extensão Pedagogia e Performance dos Metais: relato de produção do biênio 2017/2019 Maico Viegas Lopes
9:00 – 9:25 O uso de estratégias e a aprendizagem autorregulada – reflexão sobre a prática de instrumento musical Camilla dos Santos Silva
Carlos Fiorini
9:25 – 9:50 Reconstituindo uma versão brasileira da canção Mamma dice de Antônio Carlos Gomes. Dhulyan Contente Dias
9:50 – 10:15 Considerações sobre os fundamentos da Teoria dos Estilos de Meyer para a performance musical. Samuel Henrique da Silva Cianbroni
Regina Antunes Teixeira dos Santos
10:15 – 10:40 O Boisinho de Chumbo de Heitor Villa-Lobos: aspectos idiomáticos e interpretativos. Lucas Santos Gonçalves e Luciana Sayure
9:00 – 9:25 Repertório para piano solo no contexto luso-brasileiro: Panorama sobre tendências nas composições com técnicas estendidas. Gisele Pires Mota
9:25 – 9:50 Reflexões sobre uma edição das obras didáticas para piano a 4 mãos de Estercio Marquez Cunha. Denise Andrade de Freitas Martins,  Luciana Monteiro de Castro e Rodrigo Olivárez
9:50 – 10:15 Perspectivas de deliberação na prática pianística de uma proficiente. Michele Rosita Mantovani e Regina Antunes Teixeira dos Santos
10:15 – 10:40 Adaptando a Sonata Sabará do teclado para o duo de traverso barroco e viola da gamba baixo. Fausto Borém, David Castelo e Gustavo W. Freccia
9:00 – 9:25 Efeito das modalidades sensoriais visual e auditiva sobre o julgamento da performance musical Mirella Gualtieri e Giovanna Nunes de Oliveira
9:25 – 9:50 A arte da performance como um meio para se pensar uma prática musical criativa. Patrick Moreira de Souza Lima e  Luís Antônio Eugênio Afonso
9:50 – 10:15 O timbre na construção da performance. Rosedalia Carlos de Oliveira
10:15 – 10:40 O processo criativo na prática da performance musical: uma perspectiva pelo violão brasileiro. Ricardo Henrique Serrão
9:00 – 9:25 O estilo de Zé da Velha no CD Só Gafieira!: práticas de performance do trombone no choro. Marcos Flávio Aguiar Freitas
9:25 – 9:50 Elementos sobre as práticas interpretativas do concerto Ibira Guira Recê de Edmundo Villani-Côrtes (1930) em sua versão para saxofone alto e piano. Paulo Eduardo Souza de Almeida; André Barbosa dos Santos
9:50 – 10:15 A transcrição para violão: uma proposta para a valsa Tristemente (1947), de Reginaldo Carvalho. Vladimir Alexandro Pereira Silva Ewerson de Carvalho Santos
9:00 – 9:25 Interações entre notação, performance e escuta: contribuições do repertorio didático de música contemporânea para piano. Joana Cunha de Holanda
Irene Porzio Zavala
9:25 – 9:50 Aprendizagem motora e aquisição de repertório pianístico: uma proposta analisada com o primeiro arabesque de Debussy. João Gustavo Kienen
Jhonata Monteiro de Sousa
9:50 – 10:15 Lições aprendidas com a peça Narcissus de Thea Musgrave. Iura de Rezende
Rafael Alves Soares de Andrade Flávio Luiz Schiavoni
10:15 – 10:40 A estratégia técnica de redução do movimento (SMRD) na prática da Danza Criolla V para piano de Alberto Ginastera. Organização e protocolo de um estudo de caso Maria Bernardete Castelan Póvoas
9:00 – 9:25 Uma Performance Musical para Surdos: canções de Edmundo Villani-Côrtes Andréa Peliccioni Sobreiro
9:25 – 9:50 A Experiênci-Ação como estratégia para otimizar a performance musical, simulando a capacidade de concentração. José Washington Florencio da Silva
9:50 – 10:15 Villa-Lobos’ Cello Concerto no. 2 the Crystallization of a Late Period Instrumental Language. Lars Hoefs
9:00 – 9:25 Interpretação do gênero musical maracatu na performance do baterista Nenê na faixa Maracatu do álbum Sanfona de Egberto Gismonti (1981). Christiano Galvão
9:25 – 9:50 Cantiga Praiana, de José Maria Neves – uma abordagem dialógica Elenis Sabino Guimarães e Luciana Monteiro de Castro
9:50 – 10:15 Análise do estudo 26 de David Friedman Gustavo Surian Ferreira
10:15 – 10:40 Reflections on the Nature of Water (1985), de Jacob Druckman: um estudo interpretativo. Guilherme Misina e  Fernando Hashimoto
9:00 – 9:25 Análise musical e interpretação: um debate para a performance. Jefrey Antonio de Andrade Rogério Tavares Constante
9:25 – 9:50 O tempo na música contemporânea: uma perspectiva sobre as peças Paisagem Sonora Nº 6 de Rodrigo Lima e Maracatu de Liduino Pitombeira Jonatas Weima Cunha Angelim
9:50 – 10:15
Iniciação Científica
Práticas históricas e performance moderna ao violão: duas propostas de realização de baixo contínuo a partir de uma Lição do Methodo de piano-forte de José Maurício Nunes Garcia Luciana Câmara Queiroz de Souza e Andrea Alencar Coelho da Silva

Sessões de comunicações  orais | SUBÁREAS


A6. Musicologia, estética musical e interfaces (mídia, semiótica e musicoterapia)

9:00 – 9:25 A missa de defuntos na literatura coral-sinfônica brasileira do século XX: uma análise do Réquiem Contestado, de Eli-Eri Moura. Vladimir Alexandro Pereira Silva e Laís Lorrany Andrade
9:25 – 9:50 A new way of making fowre parts in counterpoint: características inovadoras na teoria musical inglesa no início do século XVII. Nathalia Domingos
9:50 – 10:15 A opereta A Princesa do Catete de Euclides Fonseca (1854-1929): histórico e edição de uma obra da Belle Époque brasileira. Melina de Lima Peixoto Mauro Camilo de Chantal Santos
10:15 – 10:40 Até a morte de cruz: uma análise texto-musical de Christus factus est CPM 193 de padre José Maurício Nunes Garcia Lucas Roberto de Souza Oliveira; Modesto Flávio Chagas Fonseca
9:00 – 9:25 O madrigal Da le belle contrade d´oriente – a escrita do compositor Cipriano da Rore como marco inicial da Música do Maneirismo. Rafael Luís Garbuio
9:25 – 9:50 Marco Padilha: memórias e principais idiossincrasias temáticas e estéticas da sua produção musical Jessé Máximo Pereira
Emerson Luiz de Biaggi
9:50 – 10:15 Memória vocal radiofônica: a natureza do belo em fonogramas de cantoras eruditas e populares dos anos 1940 a 1960. Benedicto Bueno Gurgel Júnior
10:15 – 10:40 Sérgio Belluco, vida e obra: os cadernos manuscritos de música no Brasil. Saulo Luiz Vieira Ligo Junior
9:00 – 9:25 A música no texto dos artistas-viajantes: Rio de Janeiro, século XIX. Marcia Ermelindo Taborda
9:25 – 9:50 A gruta dos pássaros, para piano a quatro mãos: histórico, análise, edição de performance e divulgação da obra de Cardoso de Menezes (1848-1931). Myrian Ribeiro Aubin; Mauro Camilo de Chantal Santos
9:50 – 10:15 Os usos das poéticas musicais luteranas no século XVII – o caso do Musica Poetica de Joachim Burmeister Cassiano Almeida Barros
10:15 – 10:40 A Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas através de seus programas musicais 1929-1974 Gabriel Angelo da Costa; Lenita Waldige Nogueira
9:00 – 9:25 A flauta transversal, a clarineta e o piston na obra musical de autoria do Padre José Maria Xavier. Adhemar Campos Neto e Modesto Flavio Chagas Fonseca
9:25 – 9:50 A importância da música sacra para a reformulação da imagem do imperador Fernando III após o fim da Guerra dos Trinta Anos Dorotéa Machado Kerr e Caio Amadatsu Griman
9:50 – 10:15 Santo do dia: um recurso antroponímico para a formulação de hipóteses referentes à data de nascimento de músicos em comunidades católicas. Paulo Augusto Castagna
10:15 – 10:40 O cantochão da antífona Asperges me no ritual mercedário de João da Veiga (1780): uma investigação melódico-comparativa de sua origem, a partir de cantorais mercedários, tridentinos e dominicanos. André Alves Gaby e Paulo Augusto Castagna
9:00 – 9:25 Universalismo e essencialismo na música brasileira: esboços para uma metodologia de investigação Marta Castello Branco
9:25 – 9:50 Experimentalismo e Brasilidade. Matteo Ciacchi
9:50 – 10:15 Apontamentos sobre criação, produção, difusão, recepção e performance musicais na contemporaneidade. Potiguara Curione Menezes
10:15 – 10:40 A obra musical em deriva: um debate a respeito do intérprete e sua atuação frente a diferentes formatos composicionais Daniel Gouvea Pizaia
9:00 – 9:25 Taquaras, tambores e violas: fazeres musicais em narrativas audiovisuais. Alice Martins Villela
9:25 – 9:50 Luthier Raul Lage: das fábricas e escolas cubanas para o ensino e produção de instrumentos musicais de corda dedilhada no Brasil. Aluisio Laurindo Silva Júnior
9:50 – 10:15 “Como pode um peixe vivo viver fora d’água fria?” Considerações iniciais para a pesquisa sobre a história de um curso de extensão universitária. Valéria Garcia Soares
10:15 – 10:40 Eu ouço a Virgem: a experiência mística de Almeida Prado em Medjugorje. Eduardo Manoel Lustosa dos Reis
9:00 – 9:25 Gluetube e a colagem de conteúdo online. Avner Maximiliano Paulo
Carlos Eduardo Oliveira Souza
Flávio Luiz Schiavoni
9:25 – 9:50 Dois de janeiro de 1762: um requerimento, uma nova tecnologia e um novo sistema à música em Vila Rica. Felipe Novaes
9:50 – 10:15 Uma abordagem temporal da teoria da imaginação da escuta de Smalley. Tauan Gonzalez Sposito e Rael Bertarelli Gimenes Toffolo
10:15 – 10:40
Iniciação Científica
Música, Memória e Gênero: Japyassu e a Banda Feminina de Rio Largo – Alagoas Marcos dos Santos Moreira e  João Gracindo da Silva Neto
9:00 – 9:25 De ouvidos bem fechados: O Concerto original da Société Musical Indépendente-SMI. Danieli Verônica Longo Benedetti
9:25 – 9:50 Genesis of humor’s bad reputation and its inadequacy to the fine arts. Eder W. B. Pena
9:50 – 10:15 Frederico Nascimento e o Gabinete de Acústica do Instituto Nacional de Música Suely Aparecida Campos Franco

Sessões de comunicações  orais | SUBÁREAS


A7.Teoria e análise musical

9:00 – 9:25 O Artesanato Furioso e Child of Tree de John Cage: uma análise morfológica através da performance. Daniel Luna de Menezes e Valério Fiel da Costa
9:25 – 9:50 Os primeiros movimentos das Sonatas op. 7 nº 3 e op. 8 nº 1 em Sol Menor de Clementi (1782) e suas relações entre Forma, Schemata e Estilo Galante. Ernesto Hartmann e  Juliano Dinelli
9:50 – 10:15 Análise da Orquestração da Primeira Peça de Quattro Pezzi per Orchestra de Giacinto Scelsi. Igor Leão Maia e Laís Souza
9:00 – 9:25 Uma abordagem analítica schenkeriana de Lieder Ohne Worte, op. 19 n. 1, de Felix Mendelssohn. Gabriel Fernandes Xavier
9:25 – 9:50 Pensamento schenkeriano versus emocionalidade musical: acordos, contrastes e tensões no campo da performance. Leandro Martins Turano
9:50 – 10:15 Uma análise de Trash TV Trance de F. Romitelli pelo viés da sonoridade. Tales Botechia e Thales Roel

Sessões de Pôster

16:30 – 16:55 As identidades musicais no contexto da improvisação livre coletiva Maria Eduarda
Fernandes Mazula
16:55 – 17:20 Curso online de guitarra elétrica: uma pesquisa em andamento Alerson Donizete de Oliveira Vania Malagutti Loth
17:20 – 17:45 Cursos de graduação em flauta transversal em Minas Gerais em diálogo com a sociedade atual: uma pesquisa documental Larissa da Costa Novo
Antonio Carlos Guimaraes
16:30 – 16:55 A educação musical em uma escola experimental Wellington Luiz Santos Gouvea
Vania Malagutti Loth
16:55 – 17:20 As relações de poder e as instituições mantenedoras das bandas de música de Pedro Leopoldo/MG: um estudo de caso Malaquias Carolina Pietra
Edite Rocha
17:20 – 17:45 Música, Modernismo e Políticas Públicas no Brasil: Mário de Andrade e Camargo Guarnieri a serviço do Departamento Municipal de Cultura de São Paulo Marcelo Tupinambá Leandro